Copy

Notícias do Edu  8 Outubro 2019

n.º 9
A “Notícias do Edu” é a newsletter do projecto de Conservação das Aves Marinhas de Cabo Verde. Tem como principal objectivo a divulgação das actividades do projecto pelos técnicos das instituições envolvidas e outros interessados, de modo a contribuir para a promoção da riqueza do património natural de Cabo Verde, em particular das suas aves marinhas.

Visita governamental à Reserva Integral dos Ilhéus do Rombo
Acompanhado por uma comitiva constituída por representantes de várias instituições nacionais, o Dr. José da Silva Gonçalves,  Ministro do Turismo e Transportes e Ministro da Economia Marítima, visitou recentemente os ilhéus Grande e de Cima. Foi a primeira vez que um membro do Governo visitou os Ilhéus do Rombo. Nesta ocasião, o Ministro sublinhou o empenho das instituições nacionais para garantir uma efectiva conservação e uso sustentável dos recursos naturais presentes naquela área protegida.

Concluída a primeira temporada da Ecostar

Seis episódios depois e, tal como planeado, a primeira temporada da série televisiva Ecostar chegou ao fim. Ao longo destes episódios, diversas figuras públicas contribuíram para a divulgação do excepcional trabalho de conservação da biodiversidade que várias organizações realizam em Cabo Verde. O sucesso do programa deveu-se à generosidade de muitos colaboradores, em particular dos convidados. No último episódio, a nossa estrela é o José Melo, um dos pioneiros da conservação da biodiversidade em Cabo Verde e fundador da Biosfera I.

As ilhas do Fogo e da Brava têm novos murais!
Num evento de grande sinergia com comunidades e escolas das ilhas do Fogo e da Brava, foram pintados diversos murais alusivos às aves marinhas e outras espécies emblemáticas dos mares de Cabo Verde. Esta iniciativa, promovida pelo Projecto Vitó, teve como principal objectivo a sensibilização de todos para a conservação da biodiversidade e dos recursos naturais de Cabo Verde.
As ilhas das aves: conhecer a Ilha de Santo Antão
Apesar de habitada, a ilha de Santo Antão alberga ainda importantes colónias de aves marinhas. A colonização desta ilha, no século XVI, trouxe diversas ameaças a estas aves, sendo a introdução de mamíferos não nativos, como os roedores e os gatos, a mais preocupante. Em Santo Antão, as aves marinhas estão hoje em dia confinadas, quase exclusivamente, aos locais onde estes predadores são mais escassos, principalmente as falésias nos grandes vales e na costa. São cinco as espécies reprodutoras, destacando-se o gongon e o pedreirinho, ambas endémicas de Cabo Verde, cujos efectivos nesta ilha têm importância internacional.

Financiamento        



Coordenação




 

Parceiros institucionais      Parceiros associados        

 


 
Share
Tweet
Subscrever
Arquivo
Copyright © 2019 BirdLife International, All rights reserved.

Pode actualizar as suas preferências ou  cancelar a subscrição

Email Marketing Powered by Mailchimp